Uma semana se passou e bem rápido. Posso dizer que agora estou me sentindo em casa.  A diferença de fuso horário e bem grande e a adaptação foi gradativa. Muitas coisas diferentes: comida, clima, cultura…
Sinto como e bom estar aqui! Estou adorando a rotina e meu estudo no Shala. Temos aulas todos os dias de domingo a sexta. Meu horario de pratica e as 7h. Acordo as 5:30 e antes de sair, medito 20 minutos, pratica essencial para iniciar o dia.
Nos domingos e sextas as aulas são guiadas pelo Sharat. A aula guiada e bem difícil, pois ele conta todos os vinyasas  bem lentamente. Devemos que estar com bastante energia e bem atentos.
Segundas, quarta e sextas as 11:30 temos aula de “Chanting”. Nesta aulas aprendemos a entoar os mantras e os nomes das posturas da primeira serie corretamente. A tarde nestes mesmos dias, temos aula de Bhavagad Gita e Hatha Yoga Pradipika. Cantamos os versos e depois o professor da um explicação sobre o assunto.
 A cidade esta bem cheia nesta época, muita gente de todos as partes do mundo.
As aulas estão lotadas, tenho sempre que chegar mais cedo que meu horário para garantir um bom lugar. Tem sido bom conhecer pessoas novas, falar outros idiomas e trocar experiências.
Estou morando numa casa com  mais duas pessoas, a Alex do Equador e o Dermot da Irlanda. Nosso convívio tem sido bem traquilo e eles tem em ajudado muito no que eu preciso.
Dias lindos de sol e temperatura agradável. Nos dia mais quentes, todos vão para as piscinas dos hotéis da redondeza. Bom momento para descansar, ler, pegar um bronze porque ninguém e de ferro. Tenho feito minhas refeições em lugares bem agradáveis onde a comida e feita com cuidado e limpeza. Eu gosto da comida indiana, mas não consigo comer com muita pimenta. Anu`s Café e Santosha são meus lugares preferidos pois a quantidade de pimenta e respeitada.
Estou praticando a Primeira Serie e bem feliz. Já recebi ajustes de Sharat na hora do back bending(drop back). Ele tem muita experiência e tudo aconteceu naturalmente sem dor ou esforço.
No domingo passado, tivemos Conferencia com Sharat. Neste momento, ele fala sobre a pratica e os alunos podem fazer perguntas. Foi muito bom ouvi-lo, ele e uma pessoa simple e com um bom senso de humor. O que foi mais interessante ouvir na conferencia foi exatamente o que eu penso sobre a pratica de Ashtanga. Os asanas são apenas um meio, um instrumento para busca do auto conhecimento. E o momento que conseguimos manter a disciplina do corpo e mente consciente. Muitos dizem que praticar ashtanga e apenas fazer asanas e se contorcer em posturas dificies, mas estão completamente enganados. Quem tem a verdadeira pratica dentro de si, sabe que e muito mais do que isso. Para praticar ashtanga devemos ter muita humildade e aceitar o momento presente. Sharat ressaltou a importância de seguir o Yamas e Nyamas não so dentro da sala de aula, mas principalmente fora dela. Cada um terá o seu processo, independente de que serie você esta praticando.
Uma semana se completa com extrema felicidade e contemplação.  So tenho que agradecer a India por este presente!
           

Pin It on Pinterest

Share This